• Argentina
  • Bolívia
  • Brasil
  • Chile
  • Colômbia
  • Costa Rica
  • Cuba
  • Equador
  • El Salvador
  • Guatemala
  • Honduras
  • México
  • Nicarágua
  • Panamá
  • Paraguai
  • Peru
  • República Dominicana
  • Uruguai
  • Venezuela
noticias
A padroeira da Bolívia é Nossa Senhora de Copacabana. Por que o bairro carioca leva o mesmo nome?

Copacabana: santuário dos católicos

Cidade foi fundada na época dos incas. Historiadores dizem que nome do bairro carioca surgiu depois que navegadores deixaram por lá uma cópia da imagem de Nossa Senhora.

Tonico Ferreira Lago Titicaca, Bolívia

Na Ilha do Sol, a maior do Lago Titicaca, resistem ao tempo muitos tesouros dos incas. E os visitantes podem acompanhar de perto como vivia esse povo que desapareceu depois da conquista espanhola. Uma escada com 204 degraus foi construída em 1.200. Ela dá acesso a uma fonte que era sagrada para os incas. Dizem que o imperador inca ia a essa fonte para se purificar. Ele bebia a água e se lavava. Como toda história antiga da região do Titicaca, esta também chegou aos nossos dias, mas um pouco modificada. Agora, se dá um outro poder às águas: a fonte da juventude. É um lugar ainda bem preservado para a idade que tem: oito séculos.

 Indisponivel/Indisponivel

Nossa Senhora de Copacabana: padroeira da Bolívia atrai devotos para cidade no Lago Titicaca

Muito mais antigo é um sítio arqueológico também na região do Titicaca. A civilização tiwanaku durou quase três milênios, de 1.600 antes de Cristo até o ano de 1.200. A capital administrativa e religiosa desse povo é uma cidade que chegou a ter 100 mil habitantes. E isso quando a Europa ainda estava nas trevas da Idade Média.

Os tiwanakus fizeram uma revolução agrícola. Aprenderam a plantar em terraços irrigados e conseguiram produzir uma quantidade de alimentos que parecia impossível para a época.

As caras esculpidas na pedra representam líderes, heróis e sacerdotes. A teoria mais aceita sobre o fim dessa nação diz que teria havido um período de seca que durou 70 anos. Hoje as ruínas são Patrimônio Cultural da Humanidade.

É no Titicaca também que fica a padroeira da Bolívia, Nossa Senhora de Copacabana. A cidade de Copacabana, fundada na época dos incas, é um dos santuários católicos mais famosos da América Latina. Os historiadores dizem que o nome do bairro carioca surgiu depois que navegadores deixaram por lá uma cópia da imagem de Nossa Senhora.

A Igreja Católica chegou com os espanhóis em 1.532. E, para sobreviver, teve que fazer concessões. Até hoje os indígenas são maioria na Bolívia. A prática da fé se adaptou a essa realidade. E, então, o padre aceita, por exemplo, o ritual da benção dos carros novos. Depois da missa de domingo, quem compra um carro não perde a chance de buscar proteção contra acidentes, amassados na lataria, prejuízos em geral.

Fonte Portal G1. Disponível em: http://www.google.com.br/imgres?imgurl=http://g1.globo.com/globoreporter/foto/0,,18197835-EX,00.jpg&imgrefurl=http://g1.globo.com/globoreporter/0,,MUL1010013-16619,00.html&usg=__Q32E6206YEKu0in9j7NmLYjNZpU=&h=200&w=320&sz=77&hl=pt-br&start=40&zoom=1&itbs=1&tbnid=7BKr2MUL8gRxxM:&tbnh=74&tbnw=118&prev=/images%3Fq%3Dnossa%2Bsenhora%2Bde%2Bcopacabana%26start%3D20%26hl%3Dpt-br%26sa%3DN%26gbv%3D2%26ndsp%3D20%26tbs%3Disch:1&ei=1KFmTaapLcehtweR3LHoAw. Acesso em 23/02/2011.

 
últimas notícias da categoria:
© Copyright 2007 / 2007 - Todos os Direitos Reservados